outubro rosa

Outubro Rosa: uma corrente de prevenção contra o câncer de mama

Com certeza você já ouvir falar do Outubro Rosa, uma campanha que acontece todo ano para conscientizar as pessoas sobre a prevenção e o diagnóstico precoce do câncer de mama. No post de hoje, vamos falar um pouco sobre a importância do movimento e como se prevenir contra o câncer de mama. Vamos lá?

Por que Outubro Rosa?

O Outubro Rosa é uma campanha mundial que nasceu nos Estados Unidos, mais precisamente na década de 90, sendo comemorada anualmente durante o mês em questão. 

O nome remete à cor do laço que é um símbolo internacional na luta e prevenção do câncer de mama. Por isso, a cor rosa ilumina a fachada de várias instituições públicas e privadas, além de muitos indivíduos e empresas que usam o laço como broche ou vestem rosa ao longo do mês, cujo objetivo é dar visibilidade ao movimento e à campanha como um todo.

Um panorama geral sobre o câncer de mama

O câncer de mama é o segundo tipo mais incidente no mundo. No Brasil, é o primeiro mais incidente entre as mulheres, cujos fatores de risco podem ser:

  • Idade
  • Primeira menstruação antes de 12 anos
  • Parar de menstruar (menopausa) após os 55 anos
  • Primeira gravidez após os 30 anos
  • Terapia de reposição hormonal (principalmente por mais de cinco anos)
  • Obesidade
  • Ingestão regular de álcool
  • Sedentarismo
  • Histórico familiar

Os sintomas mais frequentes são nódulos (fixos, endurecidos e, geralmente, indolores) ou espessamento que pareçam diferentes do tecido das mamas, endurecimento da mama, desconforto ou dor em uma única mama que seja persistente, mudanças no mamilo (retração e desvio), secreção espontânea pelo mamilo, dentre outras. Para uma melhor percepção das alterações, você pode realizar o autoexame com a finalidade de conhecer as próprias mamas e detectar modificações como essas.

Como realizar o autoexame?

Você pode fazê-lo em frente ao espelho e atentar para os seguintes sinais

  • Verifique o tamanho, o formato e o contorno das mamas;
  • Observe se há alterações na pele da mama, na auréola ou no mamilo;
  • Verifique se o sutiã deixa marcas em apenas uma das mamas, isso pode indicar inchaço;
  • Deixe os braços soltos ao lado do corpo e observe as mamas novamente;
  • Erga os braços e observe se há alterações.

Prevenção é o melhor remédio

O diagnóstico precoce ainda é o melhor aliado no tratamento eficaz do câncer de mama. Uma vez que é tratado cedo, o tumor é impedido de alcançar outros órgãos, e ser detectado na fase inicial, em grande parte dos casos, aumenta as chances de tratamento e cura. 

Por isso, é super importante consultar o médico regularmente, principalmente mulheres de 50 a 69 anos, uma vez a cada dois anos. Vale lembrar que cerca de 30% dos casos de câncer de mama podem ser evitados com a adoção de hábitos saudáveis como a prática regular de atividade física, alimentação saudável, manutenção do peso corporal adequado, evitar o consumo de bebidas alcoólicas e amamentar. Também é super importante promover ações intersetoriais que promovam acesso à informação clara, consistente e culturalmente apropriadas.

E então? Conseguiu entender melhor o Outubro Rosa? Faça parte dessa campanha e previna-se sempre que possível, busque manter seus exames sempre em dias e conheça bem o seu corpo!. Continue acompanhando nossas publicações e até a próxima.