Não perturbe das instituições financeiras

‘’Não perturbe’’ das instituições financeiras

Não perturbe das instituições financeiras

Não perturbe das instituições financeiras

A princípio, o não perturbe foi Idealizado pela SEPTR (Secretaria Especial de Previdência e Trabalho), INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e SENACON (Secretaria Nacional do Consumidor) em parceria com a Febraban (Federação Brasileira de Bancos) e a ABBC (Associação Brasileira de Bancos), a ferramenta tem como principal objetivo reduzir o assédio por telefone à aposentados para que estes contratem empréstimos consignados. Portanto, a prática pode levar os idosos ao endividamento e o INSS, em 2018, já havia proibido a oferta de crédito para recém aposentados.

Em resumo, a ferramenta não possui aplicativos, não envia e-mails com arquivos executáveis ou solicita informações pessoais e bancárias. Contudo, a solicitação é feita diretamente através do site https://www.naomeperturbe.com.br, o mesmo utilizado para impedir ligações de telemarketing. Por fim, em 30 dias, o solicitante não deverá mais receber as ligações, sob a penalização de multas de R$ 45 mil a R$ 1 milhão de reais para as instituições financeiras que desrespeitarem.

Contudo o bloqueio é válido por 1 ano.

Acesso

A princípio, caso haja interesse, deve-se acessar o site https://www.naomeperturbe.com.br e se cadastrar informando o nome completo, CPF e um endereço de email válido. Portanto, o sistema pedirá para que você verifique seu email para então prosseguir com o cadastro.

Em seguida, o site solicitará seu número de telefone e uma lista das instituições financeiras e serviços de telecomunicações será exibido, dando-lhe a liberdade de escolher quais você gostaria de bloquear. Por fim, confirme o código que foi enviado ao seu aparelho telefônico. Portanto, em 30 dias o seu pedido será validado.

Segurança

A princípio, o não perturbe é para evitar fraudes, nunca se deve repassar informações pessoais ou de benefícios por telefone.

Em conclusão, o INSS também alerta que o aposentado ou pensionista nunca deve entregar o cartão ou a senha de bancos para outros, nem mesmo para a família. Portanto, o segurado que for vítima de algum golpe ou detectar irregularidades nos descontos em folha deve cadastrar imediatamente sua manifestação na Ouvidoria do INSS por meio da Central de Teleatendimento 135 ou pelo Portal. Portanto, em caso de perda, furto ou roubo, a pessoa deve fazer imediatamente um boletim de ocorrência, para se resguardar de eventuais fraudes no benefício.

Por fim, confira abaixo por exemplo a lista de bancos participantes:

  • Em primeiro lugar o Agibank;
  • Em segundo lugar o Alfa;
  • Seguido do Banco do Brasil;
  • Banco do Nordeste;
  • Banrisul;
  • Barigui;
  • Bradesco;
  • BMG;
  • BRB;
  • Caixa;
  • Cetelem;
  • CCB;
  • Daycoval;
  • Estrela Mineira;
  • Inter;
  • Itaú;
  • Mercantil;
  • Pan;
  • Paraná Banco;
  • Safra;
  • Santander;
  • Sicredi e
  • Por último o Votorantim.